MAGAZINE LUIZA

    Ações > Varejo > MAGAZINE LUIZA > Relatório > Magazine Luiza (MGLU3): Ação não para de cair! Entenda o porquê

    Publicado em 13 de Setembro às 19:00:29

    Magazine Luiza (MGLU3): Ação não para de cair! Entenda o porquê

    Sabe o que aconteceu com as ações!? A Magalu também não!

    Hoje pela manhã, a Magalu anunciou ao mercado que desconhece qualquer ato ou fato relevante que justifique a alta volatilidade de suas ações observado nos últimos dias. O anúncio veio após o pregão de sexta, em que suas ações despencaram 7,85%. De acordo com a companhia, eles acreditam que esse movimento atípico pode ser atribuído a notícias veiculadas pela imprensa, que não possui relação direta com a Magalu e/ou seus fundamentos de longo prazo. Entre elas, estão o resultado da Pesquisa Mensal do Comércio do IBGE e relatório divulgado pela consultoria Yipit, mostrando uma possível piora de indicadores de vendas do segmento no Brasil. Importante reiterarmos que tais notícias não impactam somente a Magalu, mas sim o setor como um todo.

    O que aconteceu com as empresas de e-commerce e o que esperar para frente?

    Nos últimos meses, observamos um desempenho inferior das empresas de e-commerce quando comparado ao Ibovespa. Acreditamos que o desempenho negativo das ações estão mais atreladas ao cenário macroeconômico do que por qualquer fundamento delas. Ao analisarmos os fundamentos, observamos neste último ano dados encorajantes sobre as vendas no varejo, bem como sólidos resultados reportados, demonstrando forte crescimento na receita com ganhos de marketshare e melhora de eficiência operacional. (Para ler sobre os resultados do 2T21 da MGLU3 e LAME4 acesse aqui e aqui para o de VIIA3).

    Ainda assim, observa-se esse gap de performance quando comparado ao Ibovespa. Enxergamos o futuro incerto como o grande empecilho. Em um cenário de juros elevados, é normal observarmos uma queda no valor das ações devido ao aumento da taxa de desconto esperada pelo acionista. Entretanto, se tratando de consumo discricionário, a taxa de juros elevada pode ainda resultar na redução do consumo, impactando a receita futura das companhias. Quando somamos isso a um ambiente extremamente competitivo com diversos nomes buscando aumentar suas participações no mercado, podemos começar a entender o porquê dessa queda.

    Fique de olho! São em momentos de incertezas que surgem grandes oportunidades! Achamos exagerado a reação recente do mercado. A bolsa de valores costuma ser mais impactada por incertezas do que fatos! Nessas horas cabe ao investidor reavaliar os fundamentos e perspectivas futuras da empresa e, contanto que nada tenha sido estruturalmente alterado, cria-se a oportunidade de comprar bons ativos por valores muito atrativos.

    Acesse o disclaimer.

    Leitura Dinâmica

    Recomendações

      Vale a pena conferir