SIMPAR

    SIMPAR

    • Comprar

      [SIMH3]

      Preço (24/02)

      R$ 7,61

      Preço Alvo

      R$ 15,50

      Potencial

      103,68%

    • comprar

      Indicação

      Ticker

      [SIMH3]

      Preço (24/02)

      R$ 7,61

      Preço Alvo

      R$ 15,50

      Potencial

      103,68%

    Fundado

    1956

    IPO

    2010

    Bolsa de Valores

    B3

    N. de Funcionários

    36.424

    CEO

    Fernando Antonio Simões

    Sede

    São Paulo

    Setor

    Transporte e Logística

    Descrição

    Dentro do Grupo SIMPAR temos 7 principais empresas, sendo 3 delas listadas (Movida, Vamos e JSL) e 4 não listadas (BBC, CS Brasil, Automob e a mais recente CS Infra). A SIMPAR é uma holding que já nasceu em 2020, com 64 anos de história, resultado da reorganização societária do grupo JSL. Portanto, antes da SIMPAR existir, a JSL (JSLG3) exercia a função de holding. Após a reorganização societária feita em julho de 2020, a JSL deixou de ser uma holding com atividades operacionais e passou a ser exclusivamente uma empresa de serviços logísticos, passando as funções não operacionais para a SIMPAR. As ações que eram negociadas sob o ticker JSLG3, passaram a ser negociadas sob o código SIMH3. Para a abertura de capital da JSL no Novo Mercado, foi preciso a utilização de uma oferta pública de ações com ticker JSLG11, para posteriormente substituí-lo pelo antigo ticker JSLG3.

    Resumo da Tese

    Nossa tese de investimento em SIMPAR está embasada em 5 principais pilares: 1) Possíveis listagem de outras empresas do grupo2) Compre 3 e leve 7: as empresas não listadas não estão sendo precificadas no valor de mercado da SIMPAR. 3) Opcionalidades: o sólido histórico de boas fusões e aquisições lideradas pela família Simões geram opcionalidades relacionadas ao crescimento inorgânico. 4) Investimentos no segmento de infraestrutura e concessões através da CS Infra: a empresa deve surfar a onda de investimentos no Brasil devido à aprovação dos marcos regulatórios de saneamento, gás e por conta das privatizações de rodovias e aeroportos. 5) Força do Grupo no ecossistema de transportes/logística beneficia suas controladas através do ganho de escala, maior poder de barganha com as montadoras, maior capacidade de venda dos ativos seminovos e cross-sell entre as próprias empresas.

    Novos Relatórios

    Vídeos Relacionados

    Relatórios

    Ordem
    Analistas
    • Filtrarescolha um ativo
    • Transporte
    • Analistas
    • Tipo
    • Ordem

      Nenhum relatório foi encontrado