MÉLIUZ

    Ações > Tecnologia > MÉLIUZ > Relatório > Méliuz (CASH3) reportou o maior GMV de sua história

    Publicado em 28 de Janeiro às 02:40:39

    Méliuz (CASH3) reportou o maior GMV de sua história

    O árbitro apitou e o juiz autorizou o encerramento o jogo: Ibovespa 3 x 0 Nasdaq. A volta dos que não foram? 

    O otimismo está à todo vapor no índice brasileiro, que retomou aos 112 mil pontos – algo que não acontecia desde outubro de 2021. 

    Com a bolsa negociando a múltiplos atrativos, os investidores estrangeiros e institucionais estão correndo para aproveitar algumas barganhas deixadas para trás.

    Veterana no Ibovespa, o Méliuz reportou seus resultados operacionais para o 4º trimestre de 2021. 

    Será que agora vai? 🤨

    É um pássaro? É um avião? Não, é o novo App do Méliuz

    O Méliuz definiu a data oficial para o início do lançamento de seu novo aplicativo: 31 de janeiro. 

    Faltam 2 dias! A remodelagem de seu app objetiva trazer a integração entre sua vertical de marketplace com a de serviços financeiros, tudo em prol de uma melhor experiência de usuário.

    Volume de receitas em alta

    Falando sobre o seu resultado operacional, o maior destaque veio para o Volume de Vendas (GMV). Ao considerar apenas o Méliuz (aqui estamos excluindo outras empresas do grupo como o Picodi e o Promobit), o GMV acumulado atingiu R$ 4,5 bilhões – uma cifra representa crescimento de 77% ano a ano.

    O crescimento do último trimestre de 2021 representa um aumento da inclinação na curva de ganho de volume do Méliuz. Em média, o Méliuz mantém uma expansão de 64% em seu GMV.

    Claro, não sejamos ingênuos (e demasiadamente simplistas) a ponto de basear toda a nossa análise de investimento apenas em uma métrica. No entanto, é de bom tom destacar que empresas em processo de maturação, a densidade de compras é essencial na perpetuidade de seu negócio.

    Usuários ativos

    O número de usuários da Méliuz mostrou um crescimento anual de 76%, atingindo 9,4 milhões no acumulado do último trimestre.

    Em uma análise preliminar pode parecer um forte crescimento, no entanto, ao comparar com os outros períodos de 2021, o número é bem inferior. 

    Só para você ter uma ideia, nos últimos 3 anos, o Méliuz mantém uma taxa de crescimento médio de 130% na quantidade de usuários.

    Dados em relação ao cartão

    A quantidade de cartões solicitados sofreu uma forte queda no último trimestre. O término do cartão co-branded com o Banco Pan e o consequente encerramento nas campanhas de aquisição de usuários para essa vertical impactaram esse indicador.

    O Méliuz encerrou 2021 com 7,2 milhões de cartões solicitados acumulados e com um TPV acumulado de R$ 3,2 bilhões.

    Acesse o disclaimer.

    Leitura Dinâmica

    Recomendações

      Vale a pena conferir