CPTS11

Capitânia Securities

  • Valor Patrimonial

    R$ 2.627.597.254,00
  • Número de Cotas

    27.972.629
  • Valor Patrimonial por cota

    R$ 93,93
  • P/VP

  • Liquidez Média Diária

    R$ 7.353.411,36
  • Último Rendimento

    R$ 1,10
  • Dividendo (12 meses)

    R$ 12,33
  • Dividend Yield

R$ 0,00

Hoje 0.00%

Comprar
Recomendação
R$ 93 ~ 98
Preço Alvo (12m)
%
Potencial Médio
  • Gestora

    Capitânia Investimentos

  • Administradora

    BTG Pactual

  • Tipo de Gestão

    Ativa

  • Tipo de FII

    Recebíveis

  • Tipo de ANBIMA

    FII TVM Gestão Ativa de TVM

  • Público-Alvo

    Publico em geral

Descrição

É o fundo de recebíveis imobiliários da Capitânia. A gestão tem como objetivo a gestão ativa de sua carteira de certificados de recebíveis imobiliários (CRIs) e de fundos imobiliários de forma a gerar alfa por meio de ganho de capital nas operações.

Características do Fundo

Atualmente o portfólio do CPTS11 é composto por uma carteira de CRIs (65% do PL) e FIIs (35%). Na carteira de CRIs a preferência é por ativos high grade com papéis de qualidade e com garantias bem amarradas, ela é composta por 38 papéis divididos principalmente no segmento de shopping e logístico. A carteira possui um spread médio de 1,09% (equivalente a IPCA+ 6,26%) e duration de 6,5 anos. Em sua carteira de FIIs a concentração está no segmento de renda urbana e logística, com o maior risco sendo o de contratos atípicos.

A carteira recebíveis do fundo tem sido estratégica para o ganho de capital no último trimestre onde os giros e ganhos de capital em FIIs tornaram-se menores, sendo responsável por mais de 35% do resultado no período, demonstrando a estratégia do fundo na da gestão ativa e giro da carteira.

O gestor possui R$ 506 milhões de alavancagem por meio do uso das operações compromissadas, essas operações custam CDI + 0,74%a.a. ao fundo e tem possibilitado a melhora no carrego do fundo. A alavancagem está dentro de níveis saudáveis correspondendo a 19,2% do patrimônio do fundo.

Comentários da Analista

Nossa recomendação do fundo se baseia na capacidade da gestão em gerar ganhos no giro ativo de posições, além disso a abertura da curva de juros e o aumento da inflação beneficiam o carrego do fundo e ajudam a melhorar a taxa média de aquisição nas operações de reciclagem do portfólio.